Segunda, 15 de Abril de 2024
Geral São Paulo

Mulheres com deficiência têm até terça para se inscrever em curso de empoderamento

Curso online gratuito integra o programa estadual Todas in-Rede e promove discussões sobre empreendedorismo e direitos femininos O post Mulheres co...

04/03/2024 19h05
Por: João Paulo Carrilho Fonte: Secom SP
O curso conta com certificado e é acessível em Libras
O curso conta com certificado e é acessível em Libras

Terminam nesta terça-feira (5) as inscrições para o curso gratuito de Liderança e Empoderamento Feminino do programa TODAS in-Rede, que disponibiliza aulas online para mulheres com deficiência com temas que abrangem o empreendedorismo e os direitos femininos. O programa é da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência ( SEDPcD ) e conta com o apoio da Secretaria de Estado de Políticas para a Mulher ( SP Mulher ).

Criado em 2020 pela SEDPcD, o TODAS in-Rede promove discussões sobre trabalho, renda, autoestima, empoderamento e independência, saúde feminina, prevenção à violência, relacionamentos interpessoais, envelhecimento, habilidade socioemocionais, fundamentação teórica, direitos, entre outros.

“O TODAS in-Rede desempenha um papel crucial para mulheres com deficiência, dada a persistente realidade global da violência contra a mulher. O curso é uma jornada transformadora para as mulheres, proporcionando não apenas habilidades de liderança, mas também fortalecendo a confiança e a consciência do seu potencial. É um passo significativo em direção à construção de comunidades mais justas e igualitárias”, aponta a coordenadora do programa, Caroline Reis.

O curso conta com certificado, é online e acessível em Libras. As aulas desta nova turma acontecem às terças e quintas-feiras do mês de março, nos dias 12, 14, 19, 21 e 26, das 19h às 22h.

A iniciativa é fruto de parceria com a Associação Amigos Metroviários dos Excepcionais (AME). Mais informações no site: www.todasinrede.sp.gov.br .

Mulheres com deficiência
Dados do Observatório dos Direitos da Pessoa com Deficiência apontam que mais de 2,1 milhões de mulheres com deficiência residem no estado de São Paulo. Dos empregos formais ocupados por pessoas com deficiência, mulheres representam cerca de 39%. Em violência de gênero, em 2022, foram registrados mais de 600 boletins de ocorrência por mulheres com deficiência.

Siga o canal “Governo de São Paulo” no WhatsApp:
https://bit.ly/govspnozap

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Atualizado às 21h00
°

Mín. ° Máx. °

° Sensação
km/h Vento
% Umidade do ar
% (mm) Chance de chuva
Amanhã (16/04)

Mín. ° Máx. °

Amanhã (17/04)

Mín. ° Máx. °